Informações › NotíciasBento Gonçalves

Quinta, 10 de Agosto de 2017

IBGE forma comissão para o censo agropecuário 2017

Coleta de dados será realizada de 01 de outubro até fevereiro

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE) está preparando o Censo Agropecuário 2017 em Bento Gonçalves. Nesta quarta-feira, 09, foi formada a Comissão Municipal de Geografia e Estatística, equipe integrada por representantes da Prefeitura, Câmara, entidades de classes, entre outros.

Participaram o Prefeito Guilherme Pasin, presidente da Câmara Moises Scussel Neto, secretário adjunto de Desenvolvimento da Agricultura João Carlos da Silva, secretário de Governo Enio De Paris, pesquisadora da Embrapa Loiva Maria Ribeiro de Mello, enólogo da Emater/RS-Ascar Thompson Didoné, presidente do Sindicato Rural Elson Schneider, presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais Cedenir Postal.

Durante o encontro, o chefe da agência local do IBGE, Ricardo Bottega, passou todas as informações sobre como vão funcionar as coletas e criou a comissão que acompanhará as etapas censitárias desde a fase de preparo da operação de campo, a coleta de dados até a divulgação dos resultados. "O Censo começará em 1º de outubro e vai até fevereiro, cinco meses de coleta. Nós estamos implantando as comissões municipais, que é uma parceria para que os municípios possam nos ajudar na divulgação do Censo, no suporte às equipes de recenseadores, para que o trabalho seja realizado da melhor maneira possível", destaca.

O Censo Agropecuário pretende investigar todos os estabelecimentos dos municípios brasileiros, levantando informações sobre agricultura, extração vegetal, silvicultura, criação de animais de grande, médio e pequeno porte, aquicultura, criação de abelhas, criação de bicho-da-seda, beneficiamento e transformação de produtos agropecuários. O último censo agropecuário realizado no Brasil foi o de 2006.

Fonte: http://www.bentogoncalves.rs.gov.br

Compartilhe:  
Comente esta notícia
‹ Voltar
Confira também:
Hotéis e Pousadas
Restaurantes
Vinícolas
Turismo